Uma última caçada ao tesouro antes do adeus

Cinco anos. Esse é o tempo que Nathan Drake está longe de seus fãs e de suas grandes aventuras do passado desde o lançamento de Uncharted 3: Drake’s Deception em 2011. Ao longo desses anos, a Naughty Dog resolveu fazer com que o tempo passasse para o seu herói e que ele buscasse uma vida pacata e normal, longe de toda a correria, explosões, monstros místicos e tesouros amaldiçoados que encontrou na vida. Mas o quem é Nathan Drake sem essas aventuras? Essa É a premissa para Uncharted 4: A Thief’s End, descrita como a última aventura do falastrão.

Pelos diversos vídeos que a publisher divulgou, Drake parece estar se sentindo incompleto longe de toda a tensão que foi o seu passado como ladrão. Casado com Elena Fischer, o pupilo de Victor Sullivan não resiste ao convite de seu irmão Sam Drake para mais uma aventura, deixando a sua vida com Elena de lado para encarar a morte por uma última vez.

Com certeza haverá muitas reviravoltas, com personagens inéditos loucos por conseguirem o mesmo tesouro pirata que os irmãos Drake estão atrás. Uncharted 4 vai trabalhar essa confusão de ideias na cabeça de seu protagonista: será que todas essas aventuras, quase mortes e perdas valeram a pena?

Esteticamente, a Naughty Dog mostrou toda a sua capacidade técnica para extrair o máximo do potencial do PlayStation 4. Pelas imagens, podemos ver que os gráficos de cenário e principalmente dos personagens é de deixar qualquer marmanjo de queixo caído. O realismo que Drake e companhia apresentam é algo absurdo. Praticamente podemos nos inserir ao lado deles que não notaremos diferença alguma.

Além da trama principal, o modo multiplayer promete ser um grande trunfo de diversão do jogo. Pude conferir a jogabilidade com a demo aberta e afirmo que vocês não vão se decepcionar. O movimento dos personagens está fluindo muito bem e o mata-mata conta com cenários bem montados para que ninguém se sinta imponente por tanto tempo.

Quem é adepto do online de The Last of Us vai se familiarizar bem com o modo multiplayer de Uncharted 4. A diferença é a ausência de itens para recuperação de energia. A barra subirá conforme o tempo que você toma para se recuperar dos tiros levados. A adição interessante são os perks místicos e o soldado auxiliar, que ajudam e muito a conseguir uma pontuação melhor na tela.

Dia 10 está logo aí e o destino de Nathan Drake será conhecido. Saberemos finalmente o significado de “O Fim de um Ladrão”. Esperamos que seja um final digno para alguém que aprendemos a amar e admirar nos outros três games da franquia.

Street Fighter V traz seu estilo consagrado e algumas novidades interessantes

Próxima Notícia »

Resident Evil 7 caminha entre renascimento e morte definitiva da franquia